Poemas

Paris, Outubro,2008.

Ver os nenúfares de Monet no Orangerie é mais do que ver mais uma exposição, mas sim realmente uma experiência. Os oitos painéis enormes que estão em duas salas ovais são de uma beleza espantosa. Impressões de luzes, de cores, de infinitos, que nos deixa vaguear. Cada painel transborda, não há final possível. Vai para além do pensamento. Fomos até Orangerie de manhã cedo,fugindo assim também aos enxames japoneses, mas tomando a luz da manhã. A imensidão dos nenúfares também é pautada pela luz que vem de fora.

Para a Alexandra, que também gosta dos nenúfares de Monet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s