Hannah Arendt

Hannah Arendt faria 100 anos no passado sábado, se fosse viva. Como as editoras ( e não só) gostam de datas redondas, tal facto não passou em branco, em especial pelas editoras espanholas, que acompanham sempre os centenários e não só. As novidades são várias. No entanto, entre as várias, destaca-se, sem dúvida, o Diário Filosófico, que é , nada mais nada menos, a transcrição dos seus 28 cadernos, onde Arendt apontava entre 1950 e 1973. São mais de mil páginas, por onde passam leituras, reflexões, resumos, comentários, aforismos, poemas. Não se trata,na sua índole, um diário verdadeiramente pessoal, mas um diário inclinado para o trabalho de pensamentos. Um bom ponto de partida, ou melhor, um acontecimento editorial.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s