Apontamentos # 10

 

Hoje assinala-se o 30º aniversário da morte de Luchino Visconti e para marcar esta data redonda a RTP teve a brilhante ideia de transmitir um dos seus filmes, O Leopardo,  por volta da 1h35h, da manhã. Excelente horário, sem dúvida. Um boa ideia seria o teatro Rivoli repetir um certo ciclo, o do Visconti, sim, sim. Pois, o meu optimismo residente nesta área diz-me que vai ficar para as calendas gregas. Já agora quando é que há um dvd, em termos, do Senso? Quando??

A banda Calexico está com novo álbum, em Abril, no mercado. Até lá há a possibilidade de ouvir já 3 músicas, disponíveis no site. A descobrir.

Gentilmente a editora Livros de Areia enviou-me um e-mail a comentar os meus impedimentos bloguísticos, deste alojamento ser temperamental quanto às linkagens. Aqui fica: http://www.livrosdeareia.com/ . O site está excelente, a meu ver, bonito layout, boa navegabilidade entre páginas, e simples.

Ontem a Collectus viveu um momento de surpresa.

Há quem tenha chegado até aqui, na busca de podcasts de António Lobo Antunes. Também gostava de ouvir as suas crónicas em formato de podcast. (Agora que estou quase desligada dos blogues, virei-me para os podcasts. Vício que vai perdurar).

O que já não é segredo : o projecto PostSecret já é livro.

Deixei de compar o Mil Folhas todo o sábado, quando as crónicas de Ana Teresa Pereira findaram. A meu ver, este suplemento precisava de uma grande mudança, quer de imagem, quer de tudo. De qualquer modo, há um amigo que mo traz sempre no meio da semana, dobrado em quatro e lá leio a crónica do Jorge Silva Melo,as entrevistas e as notícias. Da última edição, leio sobre a nova fotobiografia da Natália Correia (não é a única que está no mercado agora, há outra fotobio) e gosto muito deste parágrafo:

Almada Negreiros mandou-lhe, nos anos 50, uma carta de Itália que está reproduzida no livro: “Carina Natalia:aqui em Veneza, a luxuriante, as saudades são as quadrado, ao cubo, ao infinito. Natalia Natalia Natalia. Terei só dezoito anos? Acordo todos os dias a nascer

Vem aí a primavera.  Beth Gibbons lá canta Oh it’s a funny time of year

2 thoughts on “Apontamentos # 10

  1. De qualquer maneira, O Leopardo não é filme para se ver na televisão (admitindo que alguns o possam ser…). Há filmes que deveriam estar sempre em exibição, mesmo se outras razões não houvessem.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s